Lourena

Home

-

Lourena

Image

Lourena

148

Share on:

           

Lourena - Singular lyrics

Pássaros passaram só para cantar
Soprando pra bem longe todo mal e desamor
E todo mal e desamor (Todo mal e desamor)
E peço ao Universo em forma de prece (Em forma de prece)
Lágrimas de sangue
Nóis não merece (Nóis não merece)

Somos um só, não interessa
A peça, sete cabeças
Dislexia avançada
Desmitizando a gerência
A crença move montanhas
Conectando a natura
Na terça ela tá malvada
Entende e cala em regência
Me banha com sua Lua
Meu bem, eu não tô na tua

Ainda, mas desse jeito cê sabe que vou ficar
Gosto dela nua e crua, a noite toda na rua
Juntin', depois tamo junto, jeitin' bom de rebolar
Preta, apenas o presente existe
Desescravize sua mente
Imunize-se, retifique-se
Respire, diz que sim, acredite
Eu sei bem (Eu sei bem)
A cor do céu (A cor do céu)
Cheiro do mar e a tua boca gosto mel
(E a tua boca gosto mel)
Eu sei bem (Eu sei bem)
A cor do céu (A cor do céu)
Cheiro do mar e a tua boca gosto mel

Chama ela pra dança, chama ela pra dança
Acende um verde claro, quem disse que não consta
Tomando vinho barato, chama ela pra dança
Chama ela de canto, chama ela de dama
Minha vida vai ser sua, linda, não atravesso história
Nosso conto vai ser zica
Sou maloqueiro de um bairro nobre
Sou preto, cê é bela, cê é louca, quando tira a roupa
Minha alma contorce e eu me calo na sua boca

Foi a vida e o vento que trouxe ela pra mim
Que meu início junto a você tenha começo, meio e fim
Tava bem louco, me achei no mundo errado
Se não fosse teu sorrido, não tinha me encontrado
Hoje eu vi meu medo no secreto, ouvi a vida me falar
Todo tempo é um tormento e longe de você não dá
Hoje eu queria te ver, mesmo sabendo que não dá
Chego em casa, eu te ligo, prometo, vou voltar

Procurando conhecer o desconhecido
E entendendo os meus fatos pra desbravar meus motivos
É que o mundo é tão grande, eu tô na corda bamba
Pergunto dos mistérios que moram em Iolanda
Os olhos expoentes de uma grande conta
Adquirindo fato de uma vida longa
O súbito previsto do futuro de um caos
Meramente ilustrativo, paradoxal

Eu sei bem (Eu sei bem)
A cor do céu (A cor do céu)
Cheiro do mar e a tua boca gosto mel
(E a tua boca gosto mel)
Eu sei bem (Eu sei bem)
A cor do céu (A cor do céu)
Cheiro do mar e a tua boca gosto mel
Levando a levada, se acaba, meu bem
Pedindo meu colo, querendo, ela vem

Doida pra ser, doida pra me envolver
Foco em fuck e prazer
Chamo pra ser meu refém
Mas vê se não chama de amor
É que desde o meu último gole
A vida tá foda e meu tempo parou

Video



Ads


Ads

LetrasMz

We are the best Mozambican website song lyrics site since 2014.

Mozambique, Maputo

info@letrasmz.com

letras.de.musicas.mz@gmail.com

© LetrasMz. All Rights Reserved.